Misoginia de Bolsonaro ganha destaque na mídia internacional

A mídia internacional deu destaque para o comportamento misógino do deputado Jair Bolsonaro (PP) e lhe deu duas matérias para dissecar sua vida política polêmica.

bolsonaro maria do rosário
Jair Bolsonaro, para Maria do Rosário, segunda-feira: “Eu falei que não ia estuprar você porque você não merece”
Foto: Renato Araújo/ABr / ABR.

A mídia internacional deu destaque para o comportamento misógino do deputado Jair Bolsonaro (PP). Após ofender a deputada Maria do Rosário (PT) e afirmar que não a estupraria porque ela “não merece”, os jornais Intercept e Le Monde publicaram matérias sobre o caso.

“O mais misógino e odioso político eleito pelo mundo democrático: Jair Bolsonaro” é o título da notícia publicada pelo estadunidense Intercept, que o descreve como “a mais extrema e repelente face de uma ressurgida direita, movida por uma visão cristã-evangélica,  que tem como objetivo atrasar o país”. O jornal reconstitui uma série de polêmicas com o parlamentar, evidenciando o quão atrasado é sua presença em uma democracia do século XXI.

Já o francês Le Monde publicou uma matéria descrevendo Bolsonaro como “homofóbico, misógino e racista” e descreveu o caso, dando atenção ao primeiro vídeo que teria sido o início das ofensivas de Bolsonaro à Maria do Rosário, de 2003, quando ele afirmou pela primeira vez que não a estupraria por ela não merecer. Veja abaixo.

Entenda o caso

Em plenário na terça-feira (9), após Maria do Rosário tecer críticas sobre a ditadura militar brasileira, Bolsonaro disse que não a estupraria “porque ela não merece”. Depois de fazer seu discurso e caminhar para a porta de saída da Câmara, o ex-militar a interpelou, “fica aí, Maria do Rosário, fica. Há poucos dias, tu me chamou de estuprador, no Salão Verde, e eu falei que não ia estuprar você porque você não merece. Fica aqui pra ouvir”.

Então iniciou uma série de absurdidades a respeito do Dia dos Direitos Humanos, que chamou de “dia da vagabundagem”, criticou as medidas de inclusão propostas pelo Governo Federal e fez o comentário misógino já citado contra Maria do Rosário.

Dias depois, em entrevista ao jornal Zero Hora (reproduzida pelo Colunas Tortas), Bolsonaro ainda afirmou que não a estupraria porque ela “é feia”. “Ela não merece porque ela é muito ruim, porque ela é muito feia, não faz meu gênero, jamais a estupraria. Eu não sou estuprador, mas, se fosse, não iria estuprar, porque não merece”.

Ação e pedido de cassação

Ideli Salvatti, presidenta do Conselho Nacional de Direitos Humanos (CNDH) e nova ministra dos Direitos Humanos do governo Dilma, entrou com um pedido de abertura de processo criminal e cível contra Jair Bolsonaro.

Segundo Ela Wieck, vice-procuradora-geral da República, em contato com a Revista Fórum, não se trata somente de uma frase irônica. “São as palavras, a forma, e, a partir delas, todo um movimento misógino. Fiquei sabendo de comentários em redes sociais e então, [ficou provada] a força deletéria, perversa dessas declarações. Elas têm uma força de incitação ao crime, ao estupro” disse a ministra.

Após receber a notícia de que teria que se defender formalmente, citou o Artigo 53 da Constituição, segundo o qual a opinião de parlamentares são invioláveis. No entanto, o processo não trata de sua fala dentro do plenário da Câmara, mas sim de sua entrevista ao Zero Hora, acima citada.

Além da ação promovida por Salvatti, diversas organizações pedem sua saída. PT, PCdoB, PSOL e PSB entraram com ação coletiva no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara para retirar o parlamentar do volante da política brasileira, pedindo que seu mandato seja cassado.

13 Comments

  1. Porque o vídeo não é passado na íntegra. Tentei aqui estudar com isenção, mas percebo que a imparcialidade não existe. Quero todos os corruptos presos seja de que partido for. Meu partido é o Brasil.

      1. não entendo, ele ser acusado de ”estrupador” não tem problema, não é mesmo, más se ele fala uma palavra… muitos tem o dom de transformar tudo em uma tempestade.

  2. “[Maria do Rosário] não merece porque ela é muito ruim, porque ela é muito feia, não faz meu gênero, jamais a estupraria. Eu não sou estuprador, mas, se fosse, não iria estuprar, porque não merece”

  3. Num país administrado por lobos em pele de cordeiro , somos enganados , usurpados de nossos direitos , por pessoas Q se passam por boa gente, ” cheios de boas intenções”, e que na verdade estão atropelando a qualquer custo o povo dessa nação , e quando aparece um indivíduo como esse tal Bostanagua , escancarando todo seu repudio pelo seu semelhante , exalando o seu veneno explicitamente , o Q esperar de um homen como esse? Q cospe na nossa cara , e não tem nem a decência de chamar de chuva , acho Q o senhor , Jair Bolsonaro , não seviria nem pra trabalhar na fazenda mechendo com gado !!

Deixe uma resposta