Emancipação – Modernidade Líquida

Da série “Modernidade Líquida“. A emancipação é um dever: ela se torna necessária, se “libertar da sociedade” – o que significa se afastar de qualquer totalitarismo, na crítica de Herbert Marcuse. O problema, observa o teórico da Escola de Frankfurt, é que não há uma base de massas para levar esta tarefa até seu fim,…

Relações líquidas: a leveza de ser (prefácio) – Modernidade Líquida

“Se o “espírito” era “moderno”, ele o era na medida em que estava determinado que a realidade deveria ser emancipada da “mão morta” de sua própria história – e isso só poderia ser feito derretendo os sólidos (isto é, por definição, dissolvendo o que quer que persistisse no tempo e fosse infenso à sua passagem ou imune a seu fluxo)”.

Análise do discurso: 16 teses e dissertações para download gratuito

A análise do discurso nos ajuda a entender o dito num nível propriamente discursivo, não semântico, nem sintático. Daí os esforços dos pensadores nos anos 60 e 70 para identificar um método ou procedimento próprio de análise das coisas ditas. Listamos 16 teses e dissertações para você.

A doença e a existência – Doença Mental e Psicologia

Da série “Doença Mental e Psicologia“. Existe um limite na análise da patologia mental a partir do desenvolvimento psicossexual, identificado por Foucault no segundo capítulo de Doença Mental e Psicologia, e ele se encontra na impossibilidade de dizer em qual momento a doença começa e porque justamente uma doença específica toma corpo em um indivíduo…

A doença e a história individual – Doença Mental e Psicologia

Da série “Doença Mental e Psicologia“. Se, como visto anteriormente, a perspectiva evolucionista que guia a psicanálise em Freud e a psicologia do início do século XX em Jackson e Janet consegue integrar passado e presente, os transforma em uma unidade coerente e dependente, de maneira que somente o direcionamento regressivo típico da patologia mental…

A doença e a evolução – Doença Mental e Psicologia

Da série “Doença Mental e Psicologia“. Após entender que existe uma metapatologia rondando tanto as patologias mentais quanto as orgânicas, Foucault admite como tarefa libertar a psicologia de qualquer método que não seja adequado às doenças mentais. O objetivo de Foucault, no segundo capítulo de Doença Mental e Psicologia, é encontrar as condições específicas que…