João Guimarães Rosa: a busca do indivíduo na linguagem, a dúvida e a metáfora do social

Queria entender do medo e da coragem, e da gã que empurra a gente para fazer tantos atos, dar corpo ao suceder. O que induz a gente para más ações estranhas, é que a gente está pertinho do que é nosso, por direito, e não sabe, não sabe, não sabe![1] Um caminho sem fim. Mesmo…

Cortes

Meu cachorro, um pequeno vira lata marronzinho de nome Cutícula, late cada vez com menos frequência. Tenho esperança que uma hora não escute mais seu latido, do qual consigo entender a solidão e fome que transmite para mim, e eu nada tenho o que fazer. Essa esperança é que ele simplesmente fuja, pule o muro…